sábado, 2 de novembro de 2013

NA BOCA DA PRINCESA


Vem, na minha boca!
No fundo da garganta...
Sugo todo seu vigor,
Sinto o sabor.
Me inunda, me afoga, mela...
Escorre agora pela boca,
Lambuzando minha cara,
Me chame de safada,
De cadela,
De amada...
Cinderela!
- Gi Amor -

Nenhum comentário: